Escrito por: Fabrício Destro



De repente, somos pegos de surpresa com um projeto previsto para ser lançado em 2015: Death in Candlewood, com a premissa de ser um FPS open world de horror psicológico ambientado nos Estados Unidos da década de 1940, e com temática fortemente influenciada pelo autor Edgar Allan Poe e filmes clássicos de terror.

Mas aí você pode perguntar: "mas por que eu devo dar atenção a MAIS um FPS de terror?"

Simples: o projeto é o primeiro da Rosebud Games, uma nova desenvolvedora sediada em Barcelona, mas com membros que já participaram de games como Silent Hill: Origins, F.E.A.R Extraction Point, The Witcher, entre outros jogos. E ainda, como consultor de design, foi chamado Jay Kyburz, que simplesmente é membro do time de desenvolvimento da série Bioshock. De acordo com suas palavras:

"Death in Candlewood combina uma jogabilidade inventiva com uma história romântica, e estabelece isso tudo num ambiente magnífico. Um shooter lindo e brutal - fãs de Bioshock devem se apaixonar por ele!"

Ou seja, o jogo tem cacife para ser uma belíssima produção.






Mas... E a história?


O game conta a história de Ray Dune, um doutor cujo relacionamento com o psiquiatra recluso Lester Caravan atingiu um ponto crítico. Ray é obrigado a agir quando seu filho adotivo, Rizzo, desaparece misteriosamente, investigando as sombrias Candlewood Mountains e descobrindo sobre um ataque aterrorizante de criaturas inumanas. Dessa forma, Ray deve desesperadamente salvar seu filho e a si mesmo das maquinações sangrentas de um louco.


O algo a mais


Muito embora Death in Candlewood seja em perspectiva de primeira pessoa,  não se trava de um FPS tradicional. O ambiente é expansivo, ou seja, a área de jogo corresponde a 6 km², e há mais de 1000 prédios nos quais você pode entrar e investigar. Além disso, você pode se mover pelo mundo de qual maneira preferir (carros, motos, a pé, etc.).

Os gráficos tem aquele "jeitão", aquela atmosfera de filme de época de Bioshock.


Deixo com vocês o trailer e o site do projeto no Kickstarter para maiores informações.

Abraço!


Gostou? Compartilhe:

  1. A garota do balanço lembra muito a da segunda temporada de American Horror Story...!!!

    ResponderExcluir
  2. Jogo medonho, bom, eu gosto desses que tem imagens com gente esquisita. Deve ser ótimo D:

    ResponderExcluir

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!