Escrito por: Fernanda Turesso

Por onde começar?
Bem, ao ver, Silent Hill Downpour é um jogo que recebeu bastante preconceito no ínicio mas logo depois se mostrou bastante bom em relação aos quatro primeiros títulos da série Silent Hill.

Eu irei falar a verdade, estava bastante cansada dessa série, achei que ela iria para um rumo ruim, igual ao Resident Evil, mas parece que está indo para um caminho bom. Parece que finalmente acertaram no grupo que fez o jogo dessa vez.

História

Murphy Pendleton é um prisioneiro. Ele foi condenado há vários anos na penitencária Ryall por ter roubado um carro policial. Em busca de vingança por um incidente não especificado, Murphy faz um acordo com George Sewell, um oficial de correções em Ryall. Sewell secretamente concede a Murphy acesso a um presidiário, Patrick Napier, na casa de banho. Depois de lembrar a Napier, que costumavam ser vizinhos, Murphy selvagemente bate e o mata ali mesmo.

Na sequência do motim que ocorreu na penitenciária Ryall, Murphy e alguns outros detentos estão programados à transferência para prisão Wayside de segurança máxima. Eles são acompanhados no ônibus por Anne Cunningham, uma agente penitenciária do Wayside que parece ter desdém pessoal com Murphy.
Seguindo viagem, a linha de ônibus passa do lado de fora do leste da cidade de Silent Hill. Aqui, a estrada de repente cai no nada e o motorista perde o controle. O ônibus rompe as barreiras da estrada e rola até o final do abismo. Murphy acorda na floresta e assim terá que lutar contra as suas dores e culpas por toda a cidade amaldiçoada.

Gameplay

Silent Hill Downpour resolveu voltar às origens. Agora poderemos andar mais pela cidade enevoada. A cidade também está bastante grande e com vários lugares misteriosos para se explorar.

Apesar de Downpour conter sidequests, elas não parecem tanto com as sidequests que estamos acostumados iguais aos jogos da Rockstar.
O jogo funciona de uma maneira bastante gostosa e assustadora.
Enquanto você caminha pela cidade, a chuva pode engrossar e assim fazer com que os monstros aumentem e fiquem bem mais fortes, nisso faz com que você tenha que optar por: se abrigar da chuva ou sofrer as consequências.

Quando você encontrar uma casa com as luzes acesas nas janelas ou portas, você poderá entrar. Lá dentro normalmente terão as famosas sidequests e é ai que o jogo se difere dos antigos, mas não perdendo sua identidade.

Sidequests

Normalmente elas são histórias de moradores da cidade de Silent Hill. Ao entrarmos em algum prédio ou casa, poderemos ler sobre seus supostos passados e talvez descobrir o que aconteceu com eles.
Mas uma coisa é certa, nem todas as sidequests podem ser completadas somente dentro das casas... Algumas são tão grandes que fazem você dar a volta na cidade inteira para poder concluí-la.

Então, sempre que estiver com vontade de passear por Silent Hill, faça uma visita na casa dos moradores dessa cidade maravilhosa.

Armas & Munição

Esse novo Silent Hill resolveu botar pra quebrar, literalmente. Agora, como o nosso personagem é um homem e que, aparentemente, se mostra bastante forte, a maioria das armas serão brancas. E o pessoal que criou o jogo resolveu aproveitar a ideia do Silent Hill Origins, assim deixando as armas brancas estragarem com o tempo que forem usadas.
Claro, essa ideia foi melhorada em Downpour.

As armas de fogo são bastante raras. Mas armas de fogo são meio inúteis nesse jogo, pois a mira é bastante ruim e a munição é mais rara ainda. Então, sempre opite por armas brancas, como machados e marretas.

Inimigos & Lutas




Várias pessoas não gostaram muito dessa parte do Downpour pois o jogo contém pouquíssimos inimigos. Na real, temos apenas quatro inimigos e o mais famoso deles são as Screamers.

Os monstros são bastante fortes e normalmente temos que fugir deles pra não morrermos. Eles vem em bandos de três ou mais, e quando a chuva começa a ficar forte na cidade, os monstros aumentam e ficam mais fortes.

No decorrer do jogo, quanto mais perto do final você chegar, outros inimigos mais fortes aparecerão. Os últimos inimigos são parecidos com detentos, então eles são bastante fortes e musculosos. Isso dificulta na luta corpo-a-corpo.

Por falar em lutas corpo-a-corpo. No começo é fácil derrubar os inimigos com as próprias mãos, mas não é muito efetivo, pois assim você perde muita energia. É mais fácil socá-los e fugir.
No final do jogo é quase que impossível matar algum inimigo somente com os punhos. Então, se não tiver arma alguma, melhor correr como se não houvesse amanhã!

Mundo Alternativo 


O que os fãs de Silent Hill mais temiam era que o mundo alternativo, mais conhecido como Otherworld (que dá na mesma), pudesse ser estragado, como aconteceu em Silent Hill: Shattered Memories. E, para minha tristeza, foi exatamente o que aconteceu.
O mundo alternativo de Downpour é exatamente igual ao do SH:SM.
Ao entrar nesse outro mundo, nós teremos que apenas correr alucinadamente de uma espécie de buraco negro vermelho, no qual vai sugando tudo e todos que estiverem a frente. Para não morrer, é claro, terá que correr.

O "buraco negro" poderá ser atrasado se jogar algumas coisas pelo caminho, que estão espalhadas pelo cenário. Mas o mais efetivo mesmo é correr.

Eu, particularmente, achei esse mundo alternativo bastante chato. Eu gosto de explorar mais esses mundos e poder ver os cenários. E infelizmente, no Downpour, não podemos fazer isso. Deixando o jogo com um ponto negativo nessa parte.

Save & Status


Em Downpour você não precisa se preocupar com saves. Não tem nenhum. Após você passar algum ponto no cenário, o jogo vai salvar sozinho.
Não ligo muito para auto saves. Só acho que o jogador fica preguiçoso demais quando a maioria dos jogos começa a ter isso. Ai acaba deixando de lado aquele feeling de quando você está prestes a morrer e precisa urgentemente achar um save para não perder o jogo. Mas, como já disse, não ligo muito. Em Downpour teremos muitos outros problemas pra nos preocuparmos.

O problema do auto save do Downpour, é que o jogo cria um lag horroroso e começa a travar tudo o que tem na tela. Então, se você está no meio de uma correria e o jogo salvar sozinho, se prepare para a "travação"!
HIUSAHUISHUshiuhsuia

Mas aparentemente criaram um patch que melhora esse problema. Espero conseguir jogar ele melhor dessa vez o/

Agora sobre o status de Murphy. O jogo não mostra logo de cara onde você está guardando os seus objetos chaves ou armas. Muito menos mostra um status da sua vida. Mas, para saber que você está a ponto de morrer, é só reparar nas roupas de Murphy. Conforme você for atingido, a roupa dele começa a ficar vermelha de sangue. Quanto mais sangue, mais morto você está!
Mas, para saber exatamente como a sua vida anda, você terá que apertar select e o jogo abrirá um menu onde tem todo o status do jogo. Lá você poderá ver sua vida, quanto tempo de jogo tem, quantos itens pegou, armas, puzzles, e tudo o mais que você fez durante o jogo.

É bastante prático e ainda temos um mini menu que fica na parte superior da tela. Ali tem todos os seus objetos, itens de cura, chaves e algumas armas.

O jogo possui botões atalhos para que você possa usar itens de cura ou armas sem tem que ir no menu. Isso ajuda bastante na hora das batalhas, já que tudo tem que ser bem rápido.

Boss

Por incrível que pareça Silent Hill Downpour não tem sub bosses, apenas um único e final boss!
Eu fiquei bastante desacostumada com isso, pois nos outros SH, tirando o SHSM, temos bosses a cada saída do mundo alternativo.

Não vou dizer que a ausência de bosses seja um incômodo, até porque eu concordo bastante em existir apenas um único boss em cada jogo, já que ele é o "chefão", teria que ser enfrentado só no final, não?

HIUSHAIUSHIUA

Mas isso nem vem ao caso. Downpour fez bem em deixar o boss para o final mesmo, isso fez com que tudo que nós achávamos da história, mudasse nos últimos minutos de jogo. É, Downpour é um jogo bastante interessante quanto a isso e me pegou bonito na história. Dessa vez não consegui adivinhar o final!

E agora voltando com o boss. A luta é bastante tranquila, não tem nenhum segredo. Logo de cara você já sabe o que tem que fazer e já vai pra cima do coitado. Digamos assim que é bastante fácil se comparado com o resto do jogo.

Trilha Sonora

Apesar de a trilha sonora não ter sido feita pelo nosso compositor favorito, o Akira Yamaoka, não está mal não. O compositor da vez é o Daniel Licht, que também fez parte da trilha sonora da série Dexter, os filmes Hellraiser IV: Bloodline, Children of the Corn III e Amityville: New Generation.
Ele também fez a OST do novo Silent Hill lançado para PSVita.

Mary Elizabeth McGlynn participa de duas músicas da ost. Mas apenas com alguns vocais despercebidos. Ela está no música "Intro Perk Walk" e "Bus to Nowhere".

Devo confessar que ele fez um ótimo trabalho nesse jogo. As músicas estão bem encaixadas nas fases. Mas, algumas músicas ficaram bem apagadas em alguns cenários, como por exemplo, no mundo alternativo, onde ele optou por colocar uma música bastante tensa para que nós corramos em desespero. Apesar de ser uma boa tacada, não dá para prestar a atenção nessas músicas.
Eu pouco me lembro de algumas músicas no jogo em sí. Então, achei um ponto negativo para essa parte de Downpour. 


Agora temos a segunda parte da trilha sonora que foi uma coletânea licensiada de vários artístas. As músicas normalmente tocam nos rádios espalhados pela cidade e nele estão músicos como: Louis Armstrong, Doves, Highwaymen, Korn, Anna Ternheim, e vários outros.

Não vou dizer que as músicas feitas por Daniel não foram boas, porque pra mim foram ótimas. Mas, não achei que elas ficaram com o clima de Silent Hill, como por exemplo, o Shadows of the Damned teve esse feeling. Mas é um bom compositor e está no caminho certo.

Conclusão

Silent Hill Downpour é um jogo bastante bom. Interessante. Souberam fazer sua história magnificamente, mas, o jogo contém vários furos, personagens e coisas que não foram muito bem explicadas e parece que simplesmente foram esquecidas no decorrer do jogo.
Ele não tem o clima de Silent Hill, não é igual aos antigos jogos, mas, está no mesmo patamar dos quatro primeiros títulos da série.
É um jogo para ser jogado com calma. Apesar dos pesares, ainda é um ótimo título.
Aproveitem e deem uma chance!

Bom, é isso pessoal!
Espero que tenham gostado! muah


Gostou? Compartilhe:

  1. Eu nao joguei esse jogo ainda, mas parece ser legal, eu não gotei nem um pouco dos inimigos, eles não parecem tão assustadores.
    Mas eu gostei deles terem se arriscado com essa estoria de chuva e tal.

    ResponderExcluir
  2. ah eles arriscaram legal.
    Essa parte da chuva e das sidequests foram o toque especial desse jogo. Vale muito a pena ver as histórinhas dos moradores da cidade *-*

    ResponderExcluir
  3. Preferia os monstros do dois, mas em geral esse jogo parece extremamente foda \o\
    Assim que tiver uma chance, vou jogar, sou fã da série xD

    ResponderExcluir
  4. boa \o tava querendo saber se era bom ou nao e pelo que to vendo nao vai ser la o melhor SH mas tambem nao o pior, fiquei triste em saber q o other world vai ser q nem o SH:SM nem concegui jogar direito o SH:SM por causa de tedio mesmo , mas vamos ver mesmo se o esse SH vai ser bom ^^

    ResponderExcluir
  5. é uma pena Akira Yamaoka nao ter feito, mas eu gostei da musica cantado por Korn, eu sinceramente nao gostei da trilha, faltou o estilo sombrio e dark que so o Akira conseguia fazer.

    ResponderExcluir
  6. Com certeza não concordarão comigo mais acho que Shattered Memories é um dos melhores que já joguei, apesar de ser muito curto. E o Downpour também é excelente! Assim que ganhar meu PS3, irei jogá-lo.

    ResponderExcluir
  7. Eu tambem adoro o Shattered memories, parece aquelas historias do Stephen King XD
    Que historia é essa de anfíbios hein morte?! kkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. HIUSHSHAUISHUIS

    aqui em curitiba o pessoal tá virando sapo de tanta chuva.

    Tá uma mistura de Heavy Rain com o Downpour D:

    ResponderExcluir
  9. é uma pena o silent hill ter essa decadência, pelo menos ta melhor que shatered memories eu zerei aquela porra e odiei um lixo aquilo


    já o silent hill 1 e 2 são épicos demais insanos bizarros e macabros na dose silent hill, tanto no enredo quanto o resto..

    parece que hoje não conseguem criar jogos fodas de terror, ultimamente só amnesia mesmo

    ResponderExcluir
  10. Mas que droga, achei q teria uma garota linda aki,mas a claudia eh mto FEIA!!sem flar na pronuncia,nem sabe flar portugues direito huhahuahua, vai pra escola menina!!

    ResponderExcluir
  11. ei Patrick, que comentário mais idiota pra se postar aqui ein?

    E veio aqui só por causa de guria?
    tem que ver mais os teus conceitos ein... aqui é um blog sobre jogos, não pra ficar mostrando gurias bonitas.

    vai catar coquinho no mato. flw

    ResponderExcluir
  12. ahahha no mato nao tem coco, e sim no coqueiro, nao me importo com o que vc ou outros dizem, eh minha opiniao, ninguem e nem vc e nem deus podem tirar a liberdade de se expressar.ou vc acha que colocando comentarios como esse vao me fazer desistir da minha opiniao?hein?e sempre falo honestamente, Voce, Morte,tambem eh mto HORROROSA assim como a Coisa chamada claudia.ou posso processar o Blog de me obrigar a para de dar opinioes particulares.

    ResponderExcluir
  13. HIUSHAIUHSIUAHSIUAHSIUHIUSHIU

    ah é, vai processar o blog pq eu vim aqui falar pra vc que não é lugar de se comentar isso?

    por favor né, Patrick, quer vir achar os outros feios... tudo bem, mas não aqui né. Faça um comentário sobre jogos, não sobre o pessoal que escreve nele...

    e se vc se acha tão lindo, se mostre ae.

    Aiai, eu mereço uma coisa dessas. HIUSAHUISHIUS

    passar bem, viu o/

    ResponderExcluir
  14. Se quiser Patrick, posto uma foto meu pelado, vai ver você só não está acertando o género que devia achar atraente.

    E você deveria processar sua mãe e pai e Deus por te criarem de uma maneira que até chegar aqui, você vem falar em um blog de terror que as mulheres do mesmo são feias, não falar do contéudo do que foi escrito nem nada.

    Boa sorte vivendo sua vida medíocre.

    ResponderExcluir
  15. kkkkkkkkkkkkk
    Não liga pra essas coisas morte, é de dar pena... e risos kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  16. Entao posta aih a sua foto Luiz Paulo ou vcsoh fla da boca pra fora? SHUSHUAHSHAUSHAU

    ResponderExcluir
  17. Eu nem perderia tempo discutindo com crianças. Esse Patrick deve ter no máximo 6 anos de idade.
    Ignorar é melhor do que revidar. O inferno já está cheio de vingadores.

    ResponderExcluir
  18. Tenho certeza de que para Morte e Claudia não faltam pretendentes. Se bem que pela idade delas, é meio pedófilo falar nisso..
    Acho que o João acertou na idéia e errou no português, o Patrick não pé chegado...
    Ainda não joguei o downpour. Já joguei todos os títulos da série e particularmente, o que mais me deu pesadelos foi o The room. A atmosfera degradante e a impossibilidade de matar tudo e ter que fugir muitas vezes me apavorou.
    Um dica que deixo é, tentem jogar estes survivor's no PC. A liberdade que se tem no mouse é muito superior a do console. Sem falar nos gráficos.

    ResponderExcluir
  19. Ricardo... Eu nem ligo muito pro que o cara acha bonito ou não. Só achei desrespeitoso com a Claudia né.
    Mas enfim...

    Jogar no PC não é meu forte. Só consigo jogar alguns poucos, e olhe lá. Prefiro mesmo um console legal, tanto que eu tenho quase todos aqui, então né... HSIUAHIUAHS
    Prefiro deixar o pc só para jogos que eu realmente não vá poder jogar num console :c

    ResponderExcluir
  20. Anônimo Anônimo disse...

    Entao posta aih a sua foto Luiz Paulo ou vcsoh fla da boca pra fora? SHUSHUAHSHAUSHAU

    Oi Patrick que em perfil anonimo que não quis se indetificar para não comprovar minha teoria.

    Não, você é indigno demais para ter material de fap fap :3

    ResponderExcluir
  21. Danielle Guilleno24 de julho de 2012 16:47

    Com licenca Luiz Paulo, mas eu nao sou o tal de Patrick q fla mal das Morte e da Claudia,elas sao mto legais, se vc quiser coloco meu nome aih.comentei isso pq a maioria das pessoas flam q vai fazer tal atitude mas acaba nao fazendo, entao quis ver se vc eh assim

    ResponderExcluir
  22. Danielle Guilleno24 de julho de 2012 16:52

    ah a proposito Morte e Claudia, nao liguem para comentarios maldosos como esse,acho vcs demais por ter criado um blog onde tds os amantes de games de terror podem se satisfazer ^-^

    ResponderExcluir
  23. ah vlw Danielle!
    a gente se dedica bastante pra deixar o blog legal e ter um conteúdo legal. E já que eu ando vendo por ai que o meu é o único voltado somente para terror, então eu fico mais feliz.

    Problema é aaguenta essa gente ai, mas realmente nem ligo. HSIUAHSAS

    Fazer o que né...

    ResponderExcluir
  24. Não sei não esse negócio de otherworld diferente, eu gostei do SH:SM, mas também não é aquela paixão pelo jogo, me parece mais outra série de outro estilo.
    Mas se vc, morte, recomenda, acho que deve ser bom, só tem um problema, não tenho nem chance de por as mãos num jogo desse, ps3, xbox 360 e pc super ultra nasa evoluído, não dá.
    E essa névoa, não sei em curitiba, mas em São Bento do Sul tá igual SH, tava até pensando em filmar um curta sobre.
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  25. Mas olha a burrice que o cara fala, vc tava falando da chuva e não da névoa, confundi os SH agora.
    tsc tsc,
    kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk.

    ResponderExcluir
  26. ah é. HSIUAHSIUHAIUS
    SH Downpour não tem neblina, só chuva. É diferente, mas faz sentido né... quando chove a neblina baixa. XD

    ResponderExcluir
  27. O game parecia interessante, já dei uma lida rápida na HQ da Anne mas não me sinto muito disposto, digamos assim, a jogá-lo. Ultimamente passei a acreditar cada vez com mais força, que só mesmo o mercado indie digamos assim, para salvar esse gênero que cada vez está sendo posto de lado em nome do tiroteio e da ação. Até mesmo Alone in the Dark, o pai dos jogos de horror em 3D foi nessa onda com o deplorável "Illumination" que é sob todos os aspectos, uma blasfêmia à essa série! Nem ao menos é um jogo de terror bacana e divertido e ligado às origens como o resident evil 5 foi. Agora também tô chateado com a konami, que encerrou o P.T. Que sacanagem!

    Morte que tal um review dos games para celular? Eles chegaram mesmo a me dar medo, e têm uma história fantástica, com tudo o que não apenas Silent Hill mas um excelente jogo de terror tem direito!

    PS: Sobre o comentário desse cara aí em cima, meu Deus... Essa geração todynho como diz o Zangs, tá foda!

    ResponderExcluir

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!