Escrito por: Fernanda Turesso

Konbawa minna-sama!

Hoje resolvi escrever algo sobre os folclores e incidentes que houveram na história de Forbidden Siren! Na real, estou revivendo esse post, pois eu acho que ele é muito bom pra ser esquecido aqui no blog! o/

Então ai vai um post para os interessados no jogo e pelas lendas urbanas que rondam o Japão!

Então, primeiramente irei falar da Verdade por trás da vila Hanuda, que eu achei em um site chamado Shibito. (Eu fiz a tradução.).

No primeiro jogo e no remake Blood Curse, o principal cenário do jogo é a vila Hanuda, onde aconteceram coisas misteriosas. Segue ai os rumores dela...

---------------------------------------------------

A Verdade por trás da Vila Hanuda

Um vilarejo XX localizado no meio das montanhas em uma cidade XX, num país XX e numa prefeitura XX.

Dessa vez nós investigamos os estranhos acontecimentos que houveram nessa vila XX.

Primeiro de tudo, houveram 33 assassinatos na vila XX.
Os 33 assassinatos ocorreram em um pequeno vilarejo durante a guerra.
Vamos levá-lo de volta àquela época...

Um jovem perturbado carregando uma espada japonesa e outras diversas armas, assim mata os 33 moradores, um por um.
A aldeia foi completamente dizimada em apenas uma noite.
Depois daquela noite, a vila se tornou uma cidade fantasma e desapareceu completamente durante um deslizamento de terra em 1976.
A vila não podia mais ser encontrada nos mapas. Ela foi fundida com a vila vizinha, Hanuda.

A partir de então toda a existência vila XX foi esquecida. Ou era o que pensávamos...

Esta noite nunca fora apagada da memória dos povos. Ao longo dos últimos anos, um boato cresceu dizendo que a vila XX ainda existia!

Vamos mostrar os rumores sobre a maldição dos "33 assassinados".

Depoimento 1:
 A vila ainda se encontra nas montanhas. Várias roupas manchadas de sangue podem ser encontradas nas casas abandonadas de lá.
Depoimento 2: Uma mulher idosa pode ser encontrada na vila devorando alguma coisa.
Depoimento 3: Se você entrar na vila, vai acabar perdendo sua memória e poderá desmaiar devido ao ódio dos aldeões mortos.
Depoimento 4: os jovens, em busca de aventurar-se em vilas fantasmas, já sumiram e nunca mais foram vistos.

Esses rumores circulam na internet e tem atraído a atenção de muita gente.

Mas, será que os "33 assassinados da vila XX" realmente aconteceram?
Investigando o mistério chamei a prefeitura de Hanuda. Aqui está a resposta...

"Nós não temos nenhum registro oficial de tais acontecimentos."

Mas tudo isso é apenas um boato?

Antes de concluirmos nossa investigação, vamos voltar para a vila Hanuda. A vila foi o esconderijo de uma seita religiosa que foi perseguida no passado. Há outra teoria de que a vila XX é na verdade parte de Hanuda.

Neste ponto, vamos rever os rumores associados à vila de Hanuda:
  • a perseguição do culto religioso. 
  • a vila de Hanuda e a vila desaparecida são linkadas misteriosamente.
  • a vila de Hanuda tem estranhos costumes e tradições que não são encontrados em nenhum outro lugar.
  • pessoas descrevem a vila como um lugar entre dois mundos, onde você pode ser levado para outra dimensão. Há muitos relatos de pessoas desaparecidas.
  • esta vila, de tempos em tempos, é o centro de desastres naturais em enorme escala.
Cheguei à conclusão de que por trás de todos esses rumores, os desastres naturais é que são os culpados por todos esses acontecimentos.
Então decidi visitar a vila Hanuda para desvendar essa misteriosa e escura parte do Japão.

Foi a minha primeira visita e eu pensei que seria fácil chegar lá.
Tudo o que eu tinha que fazer era encontrar no mapa a vila que ficava perdida no meio das montanhas.
Levou uma hora e meia de carro da estação ferroviária mais próxima.
Como esperado, eu poderia conhecer a vila Hanuda.

Mas a vila tinha sofrido uma série de prejuízos por causa do deslizamento de terra que foi causa durante um terremoto.
Os aldeões estavam ocupados reconstruindo a vila.
Eles vieram até mim meio que sem vida.

Aqui está um mapa que eu achei na internet, este é um mapa da vila desaparecida. Minha investigação começou seguindo este mapa sem muitos detalhes. 





Eu peguei a rota 333 e subi com o carro na montanha.
Quando cheguei à estrada e ela começou a inclinar e estreitar. Desse jeito eu fui obrigado a deixar meu carro e andei o resto do caminho.





Eu encontrei uma placa, igual a que estava no mapa.






Eu estava tão animado para finalmente chegar à vila e entrar neste lugar misterioso.
Mas, essa emoção logo desaparecera, por que...
Eu não podia ir mais longe, a estrada provavelmente tinha sido varrida por um deslizamento de terra.
Quando eu desisti e comecei a fazer meu caminho de volta, eu vi um telhado e uma casa abandonada.
Eu entrei e fiz meu caminho pela vegetação rasteira e de algumas árvores e cai sobre essa casa. 







Foram as ruínas de uma casa que pertencera à vila XX?

Depois de checar a casa abandonada, voltei à vila para ver se eu poderia encontrar a igreja.
Mas foi desperdício de tempo, porque a igreja tinha desaparecido completamente com o deslizamento.

Eu consegui ouvir outro boato!

A menina, que poderia ser uma estudante da escola secundária local, disse-me isso. Na parte da manhã, o fantasma de um menino aparece no meio do nevoeiro lá em cima no local do desabamento.
Ela não sabe por que, mas esse menino carrega uma espada japonesa e outras armas.
Será que é a pessoa que cometeu esses 33 assassinatos na vila XX?
O que esse novo rumor significa?

No final, eu só consegui uma parte da informação da vila. Eu não consegui investigar outros rumores...
No entanto, acredito que eu presenciei algo que começou os rumores sobre a vila Hanuda.

Bem, isso foi a parte da vila Hanuda. Mas nada foi descoberto. Se é verdade ou não que os Shibitos vivem lá, não se sabe. Mas eles podem estar vivendo em outra dimensão!

Ok! Agora vamos para a segunda parte das verdades de Forbidden Siren. Agora indo para o segundo jogo onde se passa na Ilha Yamijima! Fiz a tradução do mesmo site... Espero que gostem!

------------------------------------------------

A verdade por trás do incidente em Yamijima

Eu gostaria de salientar que esta não é a minha primeira tentativa de investigação.

Inicialmente, a minha investigação de XX começou há quase seis meses.
A pesquisa foi patrocinada pela revista "Kastori Weekly". Mas antes disso, eu já havia posto meus pés na ilha misteriosa de XX.

Mas eu tinha que manter a minha breve visita, devido às más condições atmosféricas.
Esta segunda empresa foi até lá para resgatar a minha primeira tentativa que falhou.

Minha segunda investigação teve resultados satisfatórios para ambas as revistas e eu mesmo.
Você pode ver na edição especial de "Kastori Weely" (edição 139).

Após a publicação da revista, eu tinha a intenção de atualizar esse site.



Kastori Weekly "The Curse of XX Island




No entanto recebi um e-mail do editor da Kastori, ele disse para eu não fazer a pesquisa.
O conteúdo do e-mail foi o seguinte:

"Sr.XX, o escritor sumiu. Depois da entrevista que ele teve com você, ele criou um interesse enorme sobre XX.
Partiu para a ilha um pouco antes de a revista sair das bancas.
Ninguém tem notícias dele desde então. Ele foi visto pela última vez nas redondezas do Porto XX.
Isso é só entre eu e você, mas devo acrescentar que um famoso autor também tem sido visto nesses lugares e agora está sumido.
As autoridades locais têm vasculhado a área por sinais do Sr.XX.
Até agora, nenhuma busca foi concluída com êxito."

Embora esta não seja a primeira vez que eu tenha andado por terrenos perigosos, eu nunca tinha visto nada parecido acontecer antes.
Se eu não tivesse falado para o Sr.XX sobre a ilha, isso nunca teria acontecido.
Eu pensei que fazendo um relatório disponível aqui, poderia resultar em pessoas tentando fazer o mesmo que o Sr.XX.
Como resultado, eu tinha censurado os nomes na minha investigação. Mas agora, eu acho que pode ter sido uma coisa errada. Talvez seja o meu dever, como repórter investigativo, advertir os outros com os segredos negros dessa ilha...

Em primeiro lugar, não se aproxime com nada na ilha XX, mas somente com um rigoroso cuidado.
Eu não vou assumir qualquer responsabilidade por qualquer tentativa de aproximação naquela Ilha.
Este relatório é apenas para as pessoas que concordam com essas condições.

Agora segue os relatórios da minha investigação XX.

XX é uma ilha abandonada e isolada na região Shikai.
A ilha ganhou sua notoriedade a partir de três incidentes misteriosos.

Mistério 1: o desaparecimento dos moradores da ilha em uma noite.
Mistério 2: o cabo do submarino foi cortado na noite do desaparecimento.
Mistério 3: Navio de passageiros "Bright Win" despareceu na costa da ilha.


um artigo da notícia.


Nos anos 60, XX era conhecida como "El Dorado do Japão", porque ela prosperou muito com os esforços da mineração de ouro no XX Mining Company.
Com os acontecimentos, é agora conhecida como "Triângulo das Bermudas do Japão".

No decorrer da minha investigação, me deparei com o seguinte fato surpreendente. Usando o nome do navio "Bright Win" como um anagrama rendeu a palavra "Wing Birth". No Japão as duas palavras são traduzidas em caracteres que podem ser lidos como “HA” e NU”.

Hanu era o nome da família mais influente da ilha XX.

Coincidência?
Eu poderia ter pensado assim até que eu percebi outro fato. "Hanumaru".

O "Bright Win" não foi o único navio perdido nas proximidades da ilha.

Antes do incidente, um barco de pesca denominado "Hanumaru" se perdeu ao longo das costas da Ilha.
Claro, a fim de chegar à ilha, você deve usar um barco.
Desnecessário dizer, mas eu verifiquei o nome do meu navio antes de sair em direção a ilha.

Existem alguns perigos e problemas que envolvem na aproximação da ilha.
(Não vou entrar em detalhes aqui e não aceito quaisquer perguntas).

Pouco se sabe sobre a ilha e seus habitantes.

Registros indicam que a ilha foi isolada do mundo exterior.
Isso logo mudou quando XX Gold Mining iniciou suas operações na ilha.
Rumores dizem que o atrito se seguiu entre os moradores da ilha e os mineiros.





Como uma torre maciça que se estende no centro da ilha e a costa que é protegida por um paredão de concreto, XX parece uma fortela estranha.
Grande parte da ilha é constituída por instalações construídas pela empresa de mineração.

No entanto, há restos de uma pequena vila de pescadores.
A vila serve como uma lembrança amarga de aderências aos moradores da ilha que foram isolados.
Curiosamente, o interior das residências ficou intacto.


Em suma, em cada casa parece que mostra que os habitantes simplesmente evaporaram.






Grande parte da paisagem velha da ilha foi invadida por aço e concreto.


Mas o tempo corroeu tudo, deixando a ilha em ruínas.
Com a câmera na mão, eu fotografei grande parte da ilha.


Mas na elaboração desse relatório, eu revi as minhas fotos...






Ao ver essa foto, me lembrei de uma coisa no folclore de XX...
A existência de algo obscuro na Ilha XX chamado de "Shiryo".

Sem dúvida, há algo que ocupa essa ilha.
Algo obscuro que provavelmente seja a causa dos estranhos acontecimentos.


Para ser honesto, eu nunca vou voltar nessa ilha amaldiçoada de novo.
Eu não tenho nenhuma intenção de me tornar uma dessas pessoas desaparecidas.

Bom, espero que tenham gostado do post!
Falou-se e cuidado com os Shibitos!

Gostou? Compartilhe:

  1. Que história bizzara da porraa!! isso aí daria um ótimo filme tão bom e assustador quanto a bruxa de blair.

    ResponderExcluir
  2. nhaa, acho que não. Nem aconteceu nada de mais... E o Siren já conta uma história boa disso ai XD

    ResponderExcluir
  3. Forbidden Siren, o único jogo cuja repetição da frase "ISSO É SÓ UM JOGO, NÃO É REAL", não me convenceu.

    ResponderExcluir

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!