Escrito por: Fernanda Turesso

Olá fantasmas!
Bom, comecei a jogar Fatal Frame 2 de novo, pela milionésima vez. Depois de fechar em todos os níveis e destravar quase tudo do jogo, resolvi jogar de novo. HSUHSUHSUHSUH

Então, já que estou no clima de terror japonês, irei colocar aqui as lendas que rondam a mansão Himuro e toda a história por detrás da série Fatal Frame. 


Fatal Frame é, basicamente, baseado na história verdadeira que cerca a mansão Himuro, no Japão. Há rumores de que a mansão seja o palco de mortes violentas da família toda e de vários de seus associados, algumas décadas atrás.   
A Família Himuro participava de um específico e enigmático ritual xintoísta com o nome de “Ritual de Estrangulamento”, que era usado para selar o karma ruim da Terra. O Karma, chamado “Malice”(ou Malícia), emergiria em uma data específica perto do final do ano de um portal no jardim interno da mansão. Para prevenir isso,uma donzela era escolhida ao nascer e isolada do mundo externo para ser criada como um cordeiro para sacrifício. Isso era feito para prevenir que ela, a “Donzela do Santuário da Corda”, adquirisse qualquer ligação com o mundo externo, o que arruinaria o ritual. Antes do “Ritual de Estrangulamento”, outra donzela era escolhida para o “Ritual do Demônio Cego” que, ao ser amarrada, sua face era forçada contra uma máscara de madeira com espetos nos locais onde deviam estar os olhos.
A relação dessa prática com o “Ritual do Estrangulamento” não é conhecida, mas aparentemente era necessária para o sucesso. Após o tempo certo ter passado, chegaria o dia do “Ritual do Estrangulamento” para a “Donzela do Santuário da Corda”, onde ela seria atada por cordas nos seus pulsos, tornozelos e pescoço. As cordas eram amarradas a times de bois, que puxavam radialmente do corpo da menina, arrancando seus membros de seu corpo. Não é sabido se ela estava morta antes de seus membros serem arrancados, entretanto, é lógico que a corda do pescoço a sufocaria, apesar de ela estar sentindo uma dor agonizante. As cordas usadas para amarrar seus apêndices seriam ensopadas com seu sangue e cruzadas no portal da Malícia. Mas o portal só permaneceria fechado por aproximadamente 75 anos antes de o ritual se repetir. Por gerações, essa tradição era passada pela família Himuro, o chefe da família sempre participava dos procedimentos. 
Porém, a honra do chefe de família levou ao desastre durante o último ritual.
“Ritual de Estrangulamento” registrado, é dito que a “Donzela do Santuário da Corda” avistou um homem do lado de fora da mansão vários dias antes do ritual. Ela se apaixonou por ele, e seu novo apegamento à Terra manchou seu sangue e seu espírito; o ritual e seu sacrifício falharam miseravelmente. O chefe soube do acontecido e perdeu sua sanidade. Ele correu pela mansão assassinando sua família, os sacerdotes, e qualquer desafortunado que estivesse visitando a mansão na ocasião. Envergonhado com sua falha de prevenir a calamidade, ele caiu sobre sua própria katana, cometendo suicídio. A Família Himuro e os rituais performados por ela agora estavam mortos.
As pessoas locais ficaram quietas quanto a história, e eles não estavam nada ansiosos para descobrir detalhes das mortes. 


Ainda hoje, esforços são feitos para descobrir mais informações sobre a família e sua tragédia, mas os registros são poucos. Um time de pesquisadores foi mandado para a mansão para obter informações, foi assim que boa parte da história verdadeira foi resgatada. A história está deformada por lendas locais e as dúvidas que os vizinhos da mansão tem sobre ela. E acredita-se que as almas vingativas da família assassinada assombram a mansão, repetindo o ritual que falhou com aqueles que ousam entrar na construção abandonada.

O que é talvez a parte mais aterradora da história, é que boa parte dela é verdadeira, incluindo os sacríficos e os assassinatos. A verdadeira mansão permanece abandonada a quilômetros de Tóquio.


Há uma grande da confusão a respeito se essa mansão existe ou não. A opinião geralmente que se tem é aquela é uma antiga mansão localizada na saída de Tóquio, onde ocorreram terríveis assassinatos.

Seguem as descrições da mansão em questão, escritas por Makoto Shibata, produtor
chefe da série de jogos Fatal Frame.  

"Na saída de Tokyo, onde fica a mansão na qual dizem que sete pessoas foram assassinadas de uma maneira terrível. Na mesma propriedade, há 3 residências que cercam a mansão, todas com rumores de terem laços com problemas no passado da mansão. Dizem que há túneis subterrâneos nas redondezas, mas ninguém sabe quem fez esses túneis ou qual eram seus propósitos. Muitos fenômenos inexplicáveis foram reportados na propriedade. Marcas de mão feitas com sangue foram encontradas espalhadas por todas as paredes. Espíritos foram avistados nas redondezas... Em plena a luz do dia. Uma escada estreita que leva a um sótão, onde um talismã para selar espíritos está lá para trancá-lo. Homens que viram esse talismã, tiveram seus corpos encontrados depois todos quebrados e com marcas de cordas envolta dos pulsos. Há uma antiga estátua quebrada de uma mulher de kimono, mas a cabeça está desaparecida. Se você tirar uma foto de uma certa janela, uma jovem pode ser vista na revelação do filme. Esses incidentes provocaram medo nas pessoas de Tokyo e muitos acreditam que os que moram perto dessa área são amaldiçoados. As mortes daquelas sete pessoas ainda é inexplicável"
Se é real ou não a lenda, eu não sei, mas vai de que cada um acreditar. 
proporcionou um ótimo jogo de survival-horror! 





As lendas da série Fatal Frame

Bem, o jogo foi baseado nos fatos reais da Mansão Himuro, mas, a lenda do jogo é um pouco diferente e boa parte pode ter sido inventada. 


Na ambientação de Fatal Frame, garotas são criadas para virarem sacrifícios. Esses sacrifícios são necessários para manter o portal do "outro mundo" fechado. Para escolher quem vai ser o sacrifício, os guardiões pegam todas as donzelas com potencial para um jogo de pega-pega, ou "Demônio pega".
Uma delas é escolhida como Oni (demônio) do jogo, representando um demônio do portal. A Oni deve tentar pegar as outras para determinar quem será o sacrifício. Não se sabe se as meninas são avisadas do que realmente o jogo representa.
A primeira garota a ser pega será o sacrifício do "Ritual do Demônio Cego". Era dito que essa garota era cega ao "Oni", e era incapaz de vê-lo. A última garota a ser pega, diziam, era a que tinha a aura (ou energia) mais forte. Ela pode ver os demônios, e consegue fugir o máximo que pode, na teoria fazendo dela a mais forte das donzelas. Essa garota será a escolhida para participar do "Ritual do Estrangulamento", que manterá os demônios no portal.
  

O "Ritual do Dêmonio Cego" e do "Estrangulamento" aparece bastante no primeiro jogo da série. Todos os fantasmas estão revivendo o ritual antigo, e a pobre Miku tem que lutar contra eles, pois a donzela que iria participar do "ritual do estrangulamento", Kirie, se apaixonou pela seu irmão, Mafuyu. Agora, cabe a Miku, salvá-lo antes que seja tarde e todo o ritual de errado novamente e a malícia vem a Terra.  

Em fatal frame 2 

Minakami Village ou All God's Village era uma vila cheia de superstições e folclores. Constantemente atingida por terremotos e então os moradores sentiram a necessidade de acalmar os espíritos através de uma cerimônia especial.
Os Sacerdotes e moradores da vila realizavam o "Ritual do Sacrifício Vermelho", uma cerimônia terrível e secreta, mas que eles acreditavam ser necessária para manter suas existências em paz e afastadas do mal.

O "Ritual do Sacrifício Vermelho" é o principal ritual da vila Minakami. Promulgado em poucas décadas ou assim, o ritual envolve os gêmeos (geralmente em torno da idade de 15 anos) como participantes. Apenas em casos extremos, são gêmeos com menos de 15 anos.

Os habitantes da vila Minakami acreditavam que os gêmeos eram um ser cuja a alma se dividiu em dois no nascimento. O ato de estrangular um gêmeo era visto pelos habitantes da vila, como um meio de reunir as almas em um só corpo. A forte energia produzida pelo bom desempenho do ritual, fazia o "Hellsih Abyss" (um enorme buraco, onde eram jogados os sacrifícios) se acalmar novamente, e assim evitando a ocorrência do "Repentance".

Pelas crenças da vila, o primeiro gêmeo nascido era considerado o irmão mais novo e o segundo nascido, era o mais velho. Mas eles acreditavam que o irmão mais velho havia permitido que o mais novo nascesse primeiro, pois ele era mais fraco e não poderia sobreviver por mais tempo dentro do útero.



preparação dos gêmeos


Quando era hora para dos gêmeos se prepararem pra o seu ritual (e eles eram chamados de "Altar Twins"), eles eram levados até as "Twin Houses". Uma vez que elas são ligadas por uma ponte e para a caverna subterrânea. Os gêmeos vão morar lá em reclusão até o dia do ritual.

Quando eles entram nas casas, passam por uma cerimônia de purificação para se tornarem sacerdotes. Durante esta cerimônia, os gêmeos se tornam membros do agregado familiar dos Futagos. Os gêmeos vestem kimonos brancos e amarrados para a direita sobre o lado esquerdo, que é a maneira tradicional japonesa de vestir os mortos para o enterro.

Quando é a hora da cerimônia, os gêmeos são retirados das "Twin Houses" pelos Sacerdotes à casa dos Kurosawa, através dos túneis.



O ritual


O gêmeo mais velho estrangula o mais jovem, enquanto os sacerdotes cantam ritmicamente suas equipes. A marca vermelha no pescoço do gêmeo estrangulado se torna uma borboleta vermelha que irá vigiar a aldeia. Os "Mouners", em seguida, jogam o corpo morto do gêmeo no "Abismo Infernal", a fim de apaziguá-lo.

Se o ritual for bem sucedido, o abismo então, será aplacado por aproximadamente 10 anos.

Quando o sacrifício não é bem sucedido, um outro par de gêmeos devem realizar o ritual de novo um ano mais tarde.



Falha

Às vezes, o ritual pode não ser bem sucedido. Existem muitas razões pelas quis o ritual possa falhar. Os gêmeos podem amar muito uns aos outros a ponto de não poder fazerem o sacrifício adequado. Assim o ritual pode ser realizado de uma forma incorreta (que um gêmeo pode ser sacrificado sozinho, sem o outro irmão ajudando). No caso de uma falha, um outro ritual deve ser feito quase que imediatamente, para que o "Repentance" seja evitado.




O resultado

O gêmeo sobrevivente é chamando de "Remaining", cujo dever é proteger e vigiar o mundo humano. Se o ritual for bem sucedido, o Remaining terá um hematoma em forma de borboleta na nuca. Em alguns casos, o trauma de ter matado um irmão faz com que o cabelo fique branco. E uma pequena estátua para representá-lo é construida em algum lugar da vila.

E o gêmeo morto vira uma borboleta vermelha, que protegerá a vila.





Bom, espero que tenham gostado desse especialzinho sobre o Fatal Frame, e até mais!

Gostou? Compartilhe:

  1. e quanto a esse novo fatal frame do wii será que ele é bom??? vc vai postar alguam coisa sobre ele??

    ResponderExcluir
  2. vou sim, eu fiz um video introdução, só falta fazer as edições! Logo irei postar algo sobre ele...

    Só não coloquei sobre o FF3 e o 4, pois as lendas são boa parte inventada. Dai não entrava no contexto >XD

    ResponderExcluir
  3. É esse tipo de post que me deixa orgulhoso em seguir o blog. ^_^

    ResponderExcluir
  4. Aguardando a matéria sobre o FF3 e FF4 =]

    ResponderExcluir

ÚLTIMAS NOTÍCIAS!